Células-tronco e o Nome de Deus de 42 letras

O kabalista Rav Berg explicou, cerca de vinte anos atrás, que o Nome de Deus de 42 Letras, uma das tecnologias mais utilizadas na criação do universo, tem o poder de reverter as nossas células ao estado de células-tronco. Este Nome de Deus, então, reprograma as células-tronco para se tornarem novas células adultas saudáveis para determinado órgão ou parte do corpo com  necessidade de regeneração, reparação e restauração. A tecnologia da Kabbalah opera no nível da consciência. No entanto, à medida que progredimos, os antigos kabalistas no disseram que a ciência acaba confirmando na realidade física do 1% o que tem sido feito no nível da realidade dos 99% – as dimensões da consciência.

Recentemente, o Jornal Wall Street  lançou um artigo que, ao invés de destruir embriões para aproveitar as células-tronco, os pesquisadores foram capazes de induzir células adultas de volta ao seu estado embrionário.

Estas são as exatas palavras que Rav Berg usou todos os dias, cerca de vinte anos atrás, durante a meditação no nome de 42 letras, conhecido em hebraico como Ana Bekoach.

Especificamente na terceira estrofe, com as letras hebraicas Yud, Kaf, Shin, são usadas para reprogramar as nossas células a um estado embrionário de células-tronco para limpá-las e purificá-las. Em seguida, reprogramamos essas células-tronco em células adultas, livres das negatividades que foram criadas a partir do auto-interesse, da consciência reativa e egoísta.

A ciência acaba de realizar a mesma coisa.

Este é mais um sinal do que a Kabbalah tem realizado no nível dos 99%.

Cada dia que você faz as meditações no Nome de 42 Letras, com o máximo de certeza possível, você está fortalecendo a ciência e a tecnologia a provarem o que estamos realizando no nível mais elevado de consciência.

Sim, chegará um momento em que não precisaremos de  instrumentos físicos para realizar tais tarefas. O poder das nossas mentes, uma vez livre de todo ego e auto-interesse, realizarão isso através da tecnologia dos nomes de Deus, as sequências de letras que são a interface entre os mundos físico e espiritual.

Abaixo está um trecho do artigo do Jornal Wall Street.

Uma empresa de biotecnologia de Massachusett disse que espera ainda nesta sexta-feira iniciar o processo para aprovação regulatória do que seria o primeiro ensaio humano envolvendo células-tronco criadas por reprogramação de células adultas a um estado semelhante ao embrionário.

Os pesquisadores fizeram experiências com tratamentos derivados de células-tronco, que podem se desenvolver a partir de outros tipos de células ou tecidos. Mas essas células são normalmente obtidas por destruição de embriões humanos, uma prática controversa. Os cientistas estão experimentando em outros tipos de células-tronco derivadas da medula óssea, ou sangue do cordão umbilical, mas estas células são limitados nos tipos de células que podem crescer.

A nova abordagem envolve a reprogramação de células maduras, tipicamente a partir da pele, sem a necessidade de destruir embriões. Dois dos pesquisadores que desenvolveram o processo dividiram o Prêmio Nobel deste ano pelo trabalho.

Billy Phillips

Billy Phillips é aluno do Rav e da Karen Berg desde 1989. As opiniões expressadas aqui têm como base seu próprio aprendizado e 22 anos estudando a sabedoria da Kabbalah. Apesar de ser aluno do Kabbalah Centre, as visões e artigos que apresenta aqui se relacionam com sua experiência e refletem sua visão pessoal e não são uma representação oficial do Kabbalah Centre e de seus ensinamentos.

VOCÊ TAMBÉM IRÁ GOSTAR DESSES POSTS:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Imagem CAPTCHA

*

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>