Debate – Ciência e Religião

A ciência não consegue ver a verdade subjacente à religião e a religião não pode ver a verdade da ciência. E ambas falham lamentavelmente em fornecer um método para erradicar a dor da vida das pessoas simplesmente porque ambas interpretam a Bíblia literalmente. Os antigos kabalistas, e o Zohar,  nos dizem que quem quer que interprete a Bíblia literalmente, seria melhor que tal pessoa nunca tivesse nascido.

Isso é o quanto a Bíblia está longe de entender a realidade e transformá-la – quando interpretada literalmente!

Um cientista nunca interpretaria uma mesa literalmente ao tentar entender a natureza da realidade. O cientista investiga detalhadamente as fibras de madeira, depois mais fundo as moléculas,  os átomos, as partículas subatômicas e depois até quebrará essas partículas subatômicas para inverstigar a raiz da realidade.

Bem, a Bíblia tem um nível subatômico também. É chamado de Zohar.

E o “acelerador de partículas” que tem o poder de explorar os níveis mais profundos da realidade da Bíblia é também o Zohar.

O Zohar é o mais poderoso acelerador de partículas da Terra.

Hoje, a ciência se tornou apenas uma outra forma de religião, expondo todas as características de uma religião organizada; intolerância, arrogância, afirmando ser a dona da verdade, menosprezando aqueles que discordam, ativamente promovendo, pregando e ensinando seus princípios e ideias para atrair a consciência do mundo para o seu lado.

O lado triste e trágico de tudo isso é que o Zohar – o texto antigo que influenciou profundamento Isaac Newton, Wilhelm Leibniz, Hernry More e todo os maiores físicos da revolução científica – tem o poder de reconciliar e unir a ciência e religião e apresentar uma verdade abrangente que absolutamente resolve o caos da vida. Apresenta um plano de jogo  e tecnologia para transformar nosso mundo em uma paz e longevidade autênticas e de mais profunda realização, muito mais do que um cientista ou religioso ousaria imaginar.

um jeito de solucionar o debate ciência-religião. Sempre houve. Mas os impulsos egocêntricos, a ganância pelo poder e o incessante anseio por controle sobre os outros, impediram que o Zohar atingisse as pessoas comuns. Sangue tem sido derramado no esforço de impedir que o Zohar atingisse todas as pessoas. Guerras, genocídios, fome, pobreza e até desastres naturais são o resultado.

A COSMOLOGIA DA KABBALAH

O Zohar descreveu a criação do Big Bang há dois mil anos antes da ciência.

O Zohar disse que o universo existe em dez e vinte seis dimensões há vinte seculos, antes dos físicos trazerem a nós a teoria das supercordas.

O Zohar disse que a verdadeira realidade é eterna, sem espaço ou movimento, antes da Teoria da Relatividade de Einstein.

O Zohar disse que o mundo era redondo, com sete continentes e diferentes fusos horários, 1500 anos antes de Colombo (que tinha o Zohar, cortesia de Abraham Zacuto. Pesquise sobre ele)

O Zohar explicou a evolução de uma forma tão espetacular que o dignifica e une a ciência a verdadeira religião (não a religião organizada), de modo que deixa você perplexo pela simplicidade e um pouco bobo por ter debatido esse assunto por tanto tempo, quando de fato, nao há nenhum debate, uma vez que você compreende o Zohar.

The Zohar said “bad fats in our arteries” causes heart disease and illness centuries before modern-day medical science.

O Zohar disse que “as gorduras ruins” em nossas artérias causam problemas no coração e doenças antes da medicina moderna.

O Zohar disse que a matéria é realmente constituída por energia na forma de “montes de ondas” e que a matéria e as ondas são dois lados da mesma moeda chamada realidade, muito antes das física quântica ter aparecido no cenário da ciência.

O Zohar disse que essas ondas de energia são na verdade compostas por consciência, pensamento, as ondas cerebrais de Deus, provindas da Luz que brilha do Criador.

A Consciência é a raiz de nossa realidade.

Quando os cientistas conseguirem expandir sua consciência ao ponto que esteja livre do ego e interesse próprio, eles estarão prontos para reconciliar, com dignidade, o debate ciência-espiritualidade. Quando os religiosos deixarem cair seu ego e intolerância  que resultam da leitura literal da Bíblia, eles serão capazes de ver a verdade assombrosa da ciência e física, e entender que Deus criou o cientista e o religioso, o que significa que há uma mensagem chocante lá esperando para ser desvendada.

É chamado de Zohar.

O Zohar abrange a física e a verdadeira religião (não a religião organizada) e as une como dois lados de uma moeda chamada paraíso.

Se quisermos o paraíso, nós precisamos unir os dois.

The one obstacle is ego. You see, a scientist or a religionist doesn’t want the truth. At least, not as their first priority. First, they want careers, success, money, power, control, and the propagation of their own views and belief systems. Guess what? That is by design of God. We are all created with massive egos and relentless self-interest on purpose.

O único obstáculo é o ego. Sabe, um cientista ou um religioso não quer a verdade. Pelo menos, não como sua maior prioridade. Primeiro, eles querem carreiras, sucesso, dinheiro, poder, controle, uma propagação dos seus ponto de vista e sistema de crenças. Advinha porquê? Isso é pelo desígnio de Deus. Nós todos fomos criados propositalmente com egos maciços e implacável interesse próprio .

Por quê?

Para que pudéssemos merecer o paraíso que é nosso destino, ganhar a verdade que está na base da ciência e religião. Nós devemos superar nossos preconceitos e egoísmo, nossas opiniões mesquinhas a fim de lutar e trabalhar duro para desvendar a unidade simples que une toda a sabedoria da humanidade. Nós temos que trabalhar muito para remover as camadas da estupidez, corrupção e equívocos literais que existem em ambas áreas.

O Zohar diz que quando a ciência e espiritualidade chegarem juntas, a salvação da humanidade acontecerá. O mundo acabará com a morte,  o caos e a guerra, e paz e imortalidade biológica chegarão.

Now ask yourself this: Who in the world of science is prepared to face the ridicule of their peers for opening up the Zohar in the search for peace and scientific truth? Who in religion is willing to peer into Kabbalah to find the root of their own religion, be it Christianity, Torah or Islam, and find the ultimate truth that respects all religions and confirms science?

Agora pergunte a si mesmo isso: Quem no mundo da ciência está preparado para encarar a ridicularização dos seus colegas por abrir o Zohar em busca da paz e verdade científica? Quem na religião está disposto a espiar a Kabbalah para encontrar a origem da sua própria religião, seja o Cristianismo, a Torá ou o Islamismo, e encontrar a verdade maior que respeita todas as religiões e comprova a ciência?

Eu recentemente dei uma palestra no centro espacial Kennedy da Nasa. Um físico me interrompeu no final literalmente apavorado com os insights do Zohar sobre a criação e realidade.

Eu convidei todos os cientistas e pessoas na palestra pra me ligar a qualquer hora para que possamos dividir os ensinamentos do Zohar e proferir a verdade, A Grande Teoria Unificada. Além do mais, o Zohar propulsionou a revolução científica do século XVII quando os cientistas da renascença abriram o Zohar.

Wolfgang Pauli estudou Kabbalah no século XX.

Os grandes astrônomos da idade média, homens que têm seus nomes dados as crateras na lua, esses eram todos kabalistas que conheciam a sabedoria do Zohar.

Então, por que não de novo em nossos dias?

Até aqui, ninguém aceitou o convite. Obviamente, há mais trabalho para ser feito.

Mas nós estamos tão perto do final. Bem perto.

O Zohar diz que nos devemos unir ciência e espiritualidade e remover a inimizade que existe entre as pessoas, entre inimigos e entre sistemas de crenças.

Todos têm uma parte de verdade, como uma peça de um quebra-cabeça. O Zohar é o mapa que nos mostra como conectar todas essas peças.

Quando fizermos isso, um novo mundo surgirá.

Billy Phillips

Billy Phillips é aluno do Rav e da Karen Berg desde 1989. As opiniões expressadas aqui têm como base seu próprio aprendizado e 22 anos estudando a sabedoria da Kabbalah. Apesar de ser aluno do Kabbalah Centre, as visões e artigos que apresenta aqui se relacionam com sua experiência e refletem sua visão pessoal e não são uma representação oficial do Kabbalah Centre e de seus ensinamentos.

VOCÊ TAMBÉM IRÁ GOSTAR DESSES POSTS:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Imagem CAPTCHA

*

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>