ORLANDO, ISIS E IDEOLOGIA

Existem tremendas forças de escuridão que estão afetando o mundo, criando dor em toda humanidade. Existe uma verdade sutil, mas muito profunda, sobre a forma como essa escuridão está sendo despertada. Existe uma diferença na forma como ISIS está propagando a sua escuridão em relação a forma como as organizações terroristas anteriores criaram suas redes terroristas ao longo da história. O que é impressionante e aterrorizante em relação ao ISIS é que eles estão permitindo que a ideologia ou consciência da escuridão deles se espalhe por si só, de forma que as pessoas se radicalizem sozinhas, como um kit terrorista “faça você mesmo” . Isso é impressionante.

Isso é o que parece ter ocorrido no assassinato em massa indescritível e inconcebível de inocentes no clube gay Pulse. O grau de intolerância com relação a outros seres humanos, especificamente a comunidade LGBT, está além de palavras.

A Bíblia ensina Amar o Próximo. Ela não ensina Amar ao Próximo Hétero.

O poder escuro da consciência-ideologia do ISIS possui a habilidade de transformar um indivíduo em um homem bomba sem coração, sem alma, covarde. Isso demonstra o poder que uma ideia, um pensamento, uma onda de consciência possui de influenciar e transformar outro ser humano.

Não tenha dúvida: sempre foi uma ideologia que influenciou e transformou as pessoas – para melhor ou pior – motivando seus comportamentos e ações individuais. Mas agora isso está se tornando mais claro do que nunca.

Isso nunca foi uma surpresa para um Kabalista. Os Kabalistas e o antigo Zohar nos dizem que a consciência é a força que trouxe esse universo para a existência, e a consciência permeia e está por trás da própria substância da realidade. A ciência está finalmente dizendo a mesma coisa.

Somos feitos de consciência.

Portanto, outras formas de consciência (ideologias) automaticamente nos influenciam.

Existem ondas diferentes de consciência no nosso mundo. Desenvolver e dominar vários níveis de consciência faz parte do processo de evolução como seres humanos através da dádiva do livre arbítrio. Por exemplo, de um lado do spectrum (o nível mais alto), temos a consciência Divina de compartilhar e de amar o próximo incondicionalmente. Do outro lado do spectrum (o nível mais baixo) existe a consciência negativa de receber sem limites (ego), a custo de outro ser humano, que é o que faz nascer o ódio puro. E existem incontáveis níveis entre um e outro. Quando a consciência negativa tem permissão de sair do controle, e está fora do controle, ela leva a assassinatos em massa em boates e genocídio em uma nação, e outros atos escuros, indescritíveis criados por uma forma vil de consciência motivada por um egoísmo desenfreado.

Acontece que o Zohar e sua sabedoria e ideologia funciona da mesma maneira que a ideologia do ISIS e do fenômeno de auto-radicalização que está atualmente aterrorizando o mundo. O Zohar também transforma a consciência através dos ensinamentos e da Luz. A diferença é que, o Zohar é o oposto e antítese da consciência do ISIS.

O Zohar, e tudo que ele incorpora, é o antídoto da escuridão nesse mundo.

Sempre teremos o livre arbítrio de escolher qual consciência iremos abraçar: Luz ou escuridão, ou algo no meio. É assim que batalhamos e merecemos a habilidade de revelar a consciência divina dentro de nós para que possamos criar um mundo de paraíso simplesmente através dos nossos pensamentos e sonhos e desejos.

Mas é uma batalha.

O JIHADISTA ESPIRITUAL

O conceito de jihadista é profundo e inquestionavelmente verdadeiro. Estamos todos aqui para lutar uma guerra santa. Exceto que, essa guerra santa deve ser uma guerra interna, uma guerra contra o ego humano, a consciência reativa, narcisista, motivada pelo medo que rege nossas vidas e se encontra dentro de cada um de nós. O verdadeiro campo de batalha está no campo da consciência, da mente humana.

O problema é que, existe outra forma de consciência que nos engana. Essa consciência é o ego, que nos faz pegar a Bíblia, o Alcorão, a Torá e toda sabedoria bíblica e interpretar literalmente. Quando fazemos isso, captamos o oposto da verdade. É por isso que o Zohar diz que as pessoas que interpretam a Bíblia literalmente, é melhor que essa pessoa nem tivesse nascido, por ser tão perigoso e por guiar as pessoas de forma errada.

Todos inimigos e batalhas que ocorrem na Bíblia estão na verdade discutindo a guerra contra nossa própria consciência negativa interna. É a guerra contra a ideologia do ego humano, que por sua vez tenta fazer com que todos nesse mundo sejam meu potencial inimigos e concorrentes, ao invés de jogarmos no mesmo time e sermos membros de uma só alma.

A Bíblia é um código. Ponto final.

Quando vamos decodificando esse código, que é o propósito da Kabbalah e do Zohar, não apenas ficamos mais sábios a respeito da verdadeira sabedoria da humanidade, mas mais importante, essa sabedoria, essa ideologia, transforma nossa natureza do receber para compartilhar, de pegar para dar, da intolerância para tolerância, da falta de dignidade humana para o respeito e dignidade aos outros incondicionalmente, independente de raça, religião, ou escolha sexual. Ame o próximo. Ponto final. Esse é o propósito final e caminho para remover toda escuridão.

Em outras palavras, essa sabedoria purifica, da mesma forma que a ideologia do ISIS radicaliza. Ela ajuda a atingir o fim do jogo, que é o fim da escuridão e da morte.

Uma pessoa negativa consumida pelo egoísmo, depressão e medo pode ser levada para o lado da escuridão extrema quando ela é exposta ao poder negativo da consciência como a ideologia escura do ISIS. Essas pessoas irão radicalizar a si mesmas. Da mesma forma, uma pessoa que está entre a Luz e escuridão, será influenciada para o lado da Luz quando ela for exposta à ideologia e à consciência da Luz divina do Zohar. Elas se autorrealizarão, revelando sua verdadeira essência divina interna.

Quando alunos de Kabbalah vivem os princípios do Zohar, elas estão influenciando pessoas e o mundo todo. Elas estão ajudando a civilização a inclinar para o lado da positividade e Luz. Cada vez que batalhamos contra o nosso ego, estamos dando golpes contra as forças globais de julgamento e escuridão. Quando permitimos que nosso ego experimente tremenda dor, com intuito de poder tratar o próximo com dignidade, esse esforço e influência navega o globo todo.

Quando compartilhamos o Zohar, estamos também influenciando as pessoas ao nosso redor e no mundo. E, não tenha dúvida, da mesma forma que duas partículas subatômicas podem influenciar umas as outras instantaneamente, “mais rápido” que a velocidade da luz, até mesmo se estão há milhões de kilômetros, nossas ações simples de dominar o ego e tratar os outros com dignidade afeta a população toda, instantaneamente, ao redor do mundo. Apenas o ego que nos cega dessa verdade inacreditável.

Da mesma forma que uma pessoa pode se auto-radicalizar lendo sobre a ideologia do ISIS, uma pessoa pode autorrealizar a Luz de sua alma, e o amor que está habitando lá no fundo, ao se expor ao Zohar e às pessoas que vivem a sabedoria do Zohar.

A LUZ DA PROTEÇÃO

Isso nunca esteve tão evidente quanto o último grande período de julgamento conhecido como Segunda Guerra quando 50 milhões de pessoas foram assassinadas. Durante o holocausto, existiam alguns Israelitas Sefaraditas que viviam no Marrocos que escaneavam o Zohar 24 horas por dia, fazendo revezamento, para atrair um cobertor de proteção.

Se você assistir o vídeo abaixo, você verá como a Luz do Zohar pode proteger um ser humano apesar da presença vil de extrema escuridão e genocídio. Podemos compartilhar o Zohar com o nosso próximo para que gentilmente e com misericórdia possamos diminuir a escuridão e acabar com ela de uma vez por todas.

Devemos encontrar nossos próprios traços negativos e lutar para transformá-los, e devemos compartilhar o Zohar com outras pessoas pois ambas ações ajudarão a trazer proteção para o resto do mundo. Temos a responsabilidade de nos tornamos um canal da Luz para todas as nações. Temos que fazer isso através de nossa própria interação com nossos amigos, familiares e inimigos.

Dignidade. Para todos. Principalmente quando isso estilhaçar a minha própria opinião e o meu ego.

O vídeo abaixo nos oferece um exemplo de um milagre profundo que o Zohar pode nos oferecer e porque é imperativo levar essa Luz para todas nações. Somente o nosso ego tentará se proteger injetando dúvida, cinismo e ceticismo que nos impedirá de perceber que essa consciência afeta as pessoas, e que a consciência do Zohar e ideologia traz milagres de proteção e um desejo de tratar os outros com dignidade humana.

Assista ao vídeo com legendas em português ao clicar em CC e escolher português

Billy Phillips

Billy Phillips é aluno do Rav e da Karen Berg desde 1989. As opiniões expressadas aqui têm como base seu próprio aprendizado e 22 anos estudando a sabedoria da Kabbalah. Apesar de ser aluno do Kabbalah Centre, as visões e artigos que apresenta aqui se relacionam com sua experiência e refletem sua visão pessoal e não são uma representação oficial do Kabbalah Centre e de seus ensinamentos.

VOCÊ TAMBÉM IRÁ GOSTAR DESSES POSTS:

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Imagem CAPTCHA

*

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>