[parte 11] TUDO QUE VOCÊ QUERIA SABER SOBRE A VIDA

22 de dezembro de 2013
parte 11 da série 

Aqui estão as doses de sabedoria tão profundas e intensas quanto simples, curtas e doces. Esta é a sabedoria das eras, a mais antiga sabedoria na Terra, a sabedoria que não apenas nos dá conhecimento, mas também eleva a alma e nossa consciência, o que nos faz mais puros, limpos, iluminados e profundamente contentes.

Aqui vamos nós:

1. Quando nós achamos que somos alguém, na verdade somos um ninguém. Quando você se torna um ninguém, você realmente se torna um alguém. Como o kabalista Rav Berg explica, ninguém significa “nennhum corpo, falta de corpo” (do inglês ‘no-body’) – o que significa nenhuma fisicalidade ou consciência do corpo físico, melhor conhecido como ego.

2. Arrogância, petulância e teimosia são ego. Da mesma forma são a baixa autoestima, a timidez e o medo. Pensar que você é o melhor ou pensar que você é o pior são ambos pensamentos que resultam do ego. Acreditar que você não pode fazer nada errado, ou acreditar que você não pode fazer nada direito – também são incitados pelo ego. O ego mora em ambas as extremidades do espectro. O ego é o nosso comportamento que agimos reflexo, e nossos pensamentos racionais e reativos.

3. Tentar consertar a nossa vida neste mundo físico é como tentar nos levantar da areia movediça. Não pode dar certo. Na verdade, quanto mais tentamos sair, mais ficamos presos. Somente a ajuda fora desta dimensão pode nos libertar. A Kabbalah é a nossa conexão diária com as dimensões mais elevadas, as quais são como uma mão vinda do céu para nos erguer de nossa confusão.

4. Ore pela mudança do seu caráter, NÃO por alguma coisa que você queira receber. Mudança de caráter abre os portões dos céus, injetando bênçãos físicas e espirituais.

Junte-se à nossa lista de emails

Cadastre seu email para receber atualizações e informações sobre o curso

"Jesus & Kabbalah"
por Billy Phillips

Powered by ConvertKit

Billy Phillips

Billy Phillips é aluno do Rav e da Karen Berg desde 1989. As opiniões expressadas aqui têm como base seu próprio aprendizado e 22 anos estudando a sabedoria da Kabbalah. Apesar de ser aluno do Kabbalah Centre, as visões e artigos que apresenta aqui se relacionam com sua experiência e refletem sua visão pessoal e não são uma representação oficial do Kabbalah Centre e de seus ensinamentos.

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*