5 coisas que aprendi com Michael Berg

admin-ajax.php

1. Nós fomos criados para um único propósito: Sermos felizes. Plenamente. Além do que nós podemos imaginar. Ainda que tenha que haver tempos de dor e sofrimento, já nos foram dados os dons e o poder para transformar toda dor em prazer e todo sofrimento em paraíso. Bem aqui na Terra. Agora mesmo.

2. Ler as palavras dos grandes kabalistas purifica a alma e provoca uma grande transformação dentro de nós. Ler os próprios manuscritos deles intensifica esses efeitos imensamente.

3. O Zohar é a Luz oculta que estava escondida no momento da Criação, a Luz que foi revelada e então perdida no Monte Sinai. Essa Luz é o poder da imortalidade e do paraíso. É aí que reside o verdadeiro poder por trás de compartilhar o Zohar.

4. Arranje tempo para o estudo. Não para se tornar mais sábio. Para se tornar mais puro.

5. A ponte para o paraíso e para a imortalidade é através do poder da certeza – não ao rezar, não ao compartilhar e não ao aprender. Superando as nossas dúvidas sobre aquilo que vemos diante dos nossos olhos, sabendo que toda dor e caos são ilusões, e tendo certeza absoluta de que o paraíso é aqui e agora – é justamente isso que nos impulsionará para esta nova realidade. É isto que irá derrubar as cortinas para revelar a perfeição que esteve aqui o tempo todo. Tem estado escondida atrás de nossas dúvidas e da nossa crença na escuridão que nós enxergamos. A única razão pela qual nós removemos o ego é porque é o ego que cria nossas dúvidas sobre um mundo perfeito e a nossa crença na morte e na escuridão.

Junte-se à nossa lista de emails

Cadastre seu email para receber atualizações e informações sobre o curso

"Jesus & Kabbalah"
por Billy Phillips

Powered by ConvertKit

Billy Phillips

Billy Phillips é aluno do Rav e da Karen Berg desde 1989. As opiniões expressadas aqui têm como base seu próprio aprendizado e 22 anos estudando a sabedoria da Kabbalah. Apesar de ser aluno do Kabbalah Centre, as visões e artigos que apresenta aqui se relacionam com sua experiência e refletem sua visão pessoal e não são uma representação oficial do Kabbalah Centre e de seus ensinamentos.

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*